{{selectedLanguage.Name}}
Entre Sair
×

Zinaida Evgenievna Serebriakova

Зинаида Серебрякова

Поделиться: Artigo da Wikipédia

Zinaida Evgenievna Serebriakova (Neskuchnoye, 12 de dezembro de 1884 — Paris 19 de setembro de 1967) (em russo: Зинаи́да Евге́ньевна Серебряко́ва; em ucraniano: Зінаї́да Євге́нівна Серебряко́ва, foi uma das mais prestigiadas e conhecidas pintoras modernistas e impressionistas russas.

Zinaida Serebriakova nasceu no estado de Neskuchnoye, próximo a Kharkov (hoje Kharkiv, Ucrânia) em uma das mais refinadas e artísticas famílias do Império Russo, os Benois. Seu avô, Nicholas Benois, foi um famoso arquiteto, diretor da Sociedade de Arquitetos e membro da Academia Russa de Ciências. Seu tio, Alexandre Benois, foi um famoso pintor, fundador do grupo de arte Mir iskusstva. Seu pai, Yevgeny Nikolayevich Lanceray, era um conhecido escultor e sua mãe, irmã de Alexandre Benois, era uma talentosa desenhista. Um dos irmãos de Zinaida, Nikolay Lanceray. O ator e escritor anglo-russo, Peter Ustinov, também era da família.

Em 1900, ela se graduou no ginásio para mulheres, o equivalente ao ensino médio, entrando na escola de artes fundada pela Princesa Maria Tenisheva. Estudou sob a supervisão de Repin em 1901 e com o artista Osip Braz, entre 1903 e 1905. DE 1902 a 1903, ela viajou pela Itália e de 1905-1906, estudou na Académie de la Grande Chaumière em Paris.

Em 1905, ela se casou com seu primo, Boris Serebriakov.

Seus primeiros trabalhos apresentam uma apreciação pela beleza e pelo amor ao mundo, como Country Girl (1906, Museu Russo) e Orchard in Bloom (1908, coleção particular), mostra essa busca pela beleza da paisagem e do povo russo. Mesmo sendo trabalhos iniciais, eles já mostravam o talento extraordinário e a audácia da artista.

Reconhecimento público veio com o auto-retrato de Zinaida, At the Dressing-Table (1909, Galeria Tretyakov), primeiro exibido em uma grande exposição na União Russa de Artistas, em 1910. O quadro foi seguido por Girl Bathing (1911, Museu Russo) e pelo retrato de Yekaterina Lanceray (1912, Russian Museum), sua mãe, obras que mostram certo amadurecimento de técnica.

Zinaida se juntou ao Mir iskusstva, movimento artístico de 1911, mas ficou isolada com alguns membros devido sua preferência por temas populares e pela harmonia e plasticidade de suas pinturas. Seu período mais intenso de produção foi de 1914 a 1917. Zinaida produziu uma série de pinturas da vida rural russa, o trabalho dos camponeses e a beleza do interior. Seu quadro mais estimado era Peasants (1914-1915, Museu Russo).

Em 1916, Alexander Benois foi convidado para decorar a Estação de Trem de Kazan, em Moscou, convidando Yevgeny Lanceray, Boris Kustodiev, Mstislav Dobuzhinsky e Zinaida Serebriakova para ajudá-lo. Zinaida pegou o tema Oriente: Índia, Japão, Turquia e Sião. Os países foram representados alegoricamente na forma de figuras femininas.

Com o início da Revolução Russa de 1917, Zinaida estava na casa da família em Neskuchnoye. Em 1919, seu marido Boris morreu de tifo, contraído na prisão bolchevique. Ela ficou sem renda, com quatro filhos e uma mãe doente. Suas finanças foram dilapidadas e a família começou a passar fome. Ela precisou parar com a pintura a óleo e usar técnica mais baratas, como carvão, época que culminou com suas trágicas pinturas.

Esta é uma parte do artigo da Wikipedia usado sob licença CC-BY-SA. O texto completo do artigo está aqui →


More ...
Zinaida Evgenievna Serebriakova Obras de arte
View all 412 obras de arte