{{selectedLanguage.Name}}
Entre Sair
×

Ilya Yefimovich Repin

Илья Репин

Ilya Yefimovich Repin

Илья Репин

Поделиться: Artigo da Wikipédia

Ilya Yefímovich Repin (em russo: Илья́ Ефи́мович Ре́пин; Chuhuiv, 5 de agosto de 1844 – Kuokkala, 29 de setembro de 1930, Finlândia) foi um pintor e escultor russo do movimento artístico Peredvizhniki e um dos mais importantes pintores do realismo russo.

Suas obras, que eram pintadas dos modos do realismo, continham uma grande profundidade psicológica e exibiam as tensões da ordem social existente. No final da década de 1920 começaram a publicar-se na URSS detalhados trabalhos sobre sua obra e ao redor de dez anos depois foi posto como exemplo para ser imitado pelos artistas do realismo socialista.

Ilya Repin nasceu na cidade de Chuhuiv, no Império Russo, hoje pertencente à Ucrânia. Seu pai era Yefim Vasilyevich Repin, recruta do Regimento Uhlan do Exército Imperial Russo. Quando criança, frequentou a escola onde sua mãe era professora e a família mudava-se constantemente devido ao serviço militar de Yefim.

Em 1856, tornou-se aluno de Ivan Bunakov, um pintor local. No período de 1859–1863, ele pintou ícones e murais encomendados pela Sociedade de Encorajamento de Artistas. Em 1864, ingressaria na Academia Imperial de Artes, onde conheceria o pintor Ivan Kramskoi. Viajou pelo Rio Volga em 1870, fazendo rascunhos e sketchs das paisagens. No ano seguinte, ganharia uma medalha de ouro por seu quadro The Raising of Jairus' Daughter. Casou-se com Vera Shevtsova, em 1872 e conheceu Pavel Tretyakov, patrono das artes, filantropo e empresário, que compraria seus primeiros quadros. Sua primeira filha, Vera, nasceria no mesmo ano. Nesta época, ele recebeu uma grande encomenda do Grão-duque Vladimir Alexandrovich, o famoso quadro Rebocadores do Volga, terminado em 1873.

Em 1916, Ilya trabalhou em suas memórias, Far and Near, com o auxílio de Korney Chukovsky. Foi um entusiasta da Revolução Russa de 1917. Pintou o retrato de Alexander Kerensky, e The Slaves of Imperialism, uma nova versão de Rebocadores do Volga. Em 1918, a fronteira entre a Rússia e a Finlândia foi fechada, portando sua residência oficial ficou fora da Rússia. Em 1919, doou sua coleção de artistas russos renomados e seus próprios trabalhos para a Galeria Nacional da Finlândia, em Helsinque e em 1920 celebrações foram feitas na capital em sua homenagem.

Ilya Repin faleceu aos 86 anos, em 29 de setembro de 1930, tendo sido sepultado em Kuokkala. Quando Kuokkala tornou-se parte da União Soviética, em 1949, a cidade foi renomeada para Repino em sua homenagem.

Esta é uma parte do artigo da Wikipedia usado sob licença CC-BY-SA. O texto completo do artigo está aqui →


More ...
Ilya Yefimovich Repin obras famosas
View all 541 obras de arte
Propaganda