{{selectedLanguage.Name}}
Entre Sair
×

Gyula Kosice

Fernando Fallik

Поделиться: Artigo da Wikipédia

Gyula Kosice (Košice, 26 de abril de 1924 — Buenos Aires, 25 de maio de 2016) foi um escultor, poeta, artista plástico e teórico checoslovaco nacionalizado argentino, considerado um dos pioneiros da arte cinética.

Nasceu em 26 de abril de 1924, em Košice, na Checoslováquia (atual Eslováquia). Em 1928, seus pais emigraram para a Argentina, onde se instalaram e o batizaram com o nome de Fernando Fallik.

Gyula Kosice utilizava o nome de sua cidade natal como nome artístico. Foi um dos iniciadores da arte não-figurativa na América Latina. Sua obra Röyi (1944) é a primeira escultura articulável com a participação do público no continente. Utilizou, pela primeira vez a nível mundial, o gás néon e água como elementos constitutivos de suas obras artísticas. Luz e movimento também estão presentes em suas obras.

Em 1946, juntamente com Carmelo Arden Quin, funda o movimento artístico MADI.

Em 1947 realizou sua primeira exposição individual no Bohemien Club na Galerías Pacífico, em Buenos Aires, esta foi a primeira exposição de arte abstrata na América Latina.

Em 1961 realizou uma exposição no Stedelijk Museum de Amsterdã, Países Baixos e outra em 1967 para a exposição Kunst-Licht-Kunst no Van Abbemuseum, em Eindhoven.

Fez mais de 40 exposições próprias e 500 exposições coletivas em todo o mundo.

Também criou monumentos para espaços abertos em vários países.

Em 2005, Kosice transformou seu estúdio e sua loja em um museu.

Era cidadão argentino e morava em Buenos Aires.

Morreu em 25 de maio de 2016, aos 92 anos.

Esta é uma parte do artigo da Wikipedia usado sob licença CC-BY-SA. O texto completo do artigo está aqui →


More ...
Gyula Kosice Obras de arte
View all 24 obras de arte